Desumidificador para Guarda-Roupa

Desumidificador para Guarda-Roupa
Desumidificador para Guarda-Roupa

Parte da mobília de muitas casas, o guarda-roupa é usado há centenas de anos para ajudar a manter a organização e os cuidados com roupas e acessórios. Mas dentro desse móvel costuma surgir um problema que causa muita dor de cabeça e ainda parece difícil de ser resolvido: a presença de mofo e bolor.

As manchas causadas por esses fungos podem surgir com certa frequência em tecidos, sapatos e objetos caso o guarda-roupa esteja em algum ambiente úmido. Acima de 60%, a umidade favorece a proliferação de microrganismos que com o tempo podem deteriorar tanto o interior quanto o exterior dos armários.

Hoje em dia, as roupas podem ser guardadas em móveis de madeira ou metal, com portas de correr, sem portas, em nichos ou araras. Como podemos ver, são de fato muitas opções. Mas nem sempre foi assim. Antigamente esses itens eram guardados em baús colocados na horizontal, enquanto os armários eram usados na vertical para guardar armas. Inclusive, é desse hábito que vem o nome “armário”.

 

 

Já o termo guarda–roupa, era dado a quem trabalhava diretamente com o rei e seus familiares no Brasil e em Portugal. Sua função consistia em acompanhar e apoiar os monarcas, de forma a facilitar o dia a dia da família, carregando, segurando e guardando casacos e objetos. Posteriormente, esse nome foi dado ao primeiro modelo de armário desenvolvido: com duas portas, um espaço para pendurar cabides e duas gavetas na parte inferior.

Por um bom tempo, esse móvel foi considerado sinal de riqueza, já que apenas membros da alta sociedade tinham mais do que dois trajes para usar no dia a dia. Logo, apenas eles precisavam de guarda-roupa para colocar os trajes.

Ao longo dos séculos ele já foi baú, caixote, quarto de vestir, sala de armazenamento para roupas e até gabinete. Foram muitos os nomes e formatos criados até que surgisse o guarda-roupa como conhecemos hoje. Atualmente, as duas opções mais comuns são: planejar com a ajuda de arquitetos e marceneiros um guarda-roupa com layout próprio, feito de acordo com o tamanho do ambiente e sua necessidade. Ou ainda, recorrer às inúmeras lojas de departamentos que disponibilizam modelos prontos para entrega.

Mas, junto com o desenvolvimento estético e a popularização desse item, alguns defeitos se tornaram muito comuns:

Portas e gavetas travando, rangendo ou saindo do trilho são alguns dos problemas ocasionados pela má qualidade de materiais utilizados na fabricação desses móveis. Apesar de parecerem ser de simples resolução, esses problemas estão entre as principais reclamações que as lojas recebem dos consumidores. As soluções encontradas incluem a prestação de serviço de assistência técnica e troca de peças, por exemplo.

E o que fazer quando os defeitos no guarda-roupa surgem por causa do ambiente em que ele fica?

Pode até não parecer, mas a umidade é capaz de deteriorar qualquer tipo de móvel, seja ele de madeira, MDF ou revestido com algum tipo de tecido. E isso, acontece quando há grande quantidade de água em forma de vapor dispersa pelo ar.

Sabe quando pegamos aquela roupa dentro do armário e começamos a espirrar? Ou ainda quando sentimos um mau cheiro na roupa sem saber o motivo? Então, todos esses problemas são devido a umidade alta. O excesso de umidade somado a falta de iluminação, e de ventilação torna o interior dos armários o lugar perfeito para a proliferação dos fungos, em especial do mofo e do bolor. Esses microrganismos se reproduzem rapidamente em locais quentinhos e escuros, não é à toa que nós encontramos manchas acinzentadas e esverdeadas principalmente nas gavetas e na parte de trás dos guarda-roupa.

Essa situação tende a se agravar caso seu armário tenha sido colocado encostado em alguma parede próxima ao banheiro. Esse é um dos cômodos da casa com o maior nível de umidade, gerada por causa dos banhos quentes que tomamos com portas e janelas fechadas.

O mau cheiro também é um dos sinais que denunciam o excesso de umidade. Conhecido como “cheiro de roupa guardada”, é um odor bem forte que muitas vezes faz com que as pessoas tenham que lavar as peças de roupa sem que elas estejam sujas.

Potes de sílica

Potes de sílica: conhecidos como antimofo, são vendidos em mercados e podem ser usados apenas uma vez.

Receitas caseiras

Receitas caseiras: quem nunca procurou uma solução para os problemas na internet, não é mesmo? Mas, as receitas com giz, carvão, bicarbonato e outros milhares de ingredientes removem momentaneamente as manchas de mofo e bolor.

Portas e gavetas abertas durante o dias

Portas e gavetas abertas durante o dia: esse método é mais comum do que imaginamos e ele é usado para garantir a ventilação dos pequenos espaços.

Apesar de todas essas dicas, a solução ideal é manter a umidade do ambiente sempre controlada. Agir diretamente no problema é a forma mais eficiente de impedir a perda de móveis, roupas e acessórios por causa da presença dos fungos.

Utilizamos roupas e sapatos todos os dias, esses itens fazem parte da nossa rotina e é preciso mantê-los bem preservados. Peças feitas de tecidos mais nobres, como couro e com acabamento mais delicado exigem um cuidado redobrado, uma vez que costumamos pagar um valor alto por elas e desejamos que durem um bom tempo. É comum que para algumas pessoas a compra seja como um investimento e que com o passar do tempo a peça ganhe até valor sentimental. Por isso, deixar que manchas de mofo e bolor acarretem a perda da peça está fora de cogitação. Ninguém espera perder um item de tanta importância por causa dos fungos.

Através do desumidificador de ar Desidrat é possível determinar o nível de umidade que você deseja para o ambiente. São diferentes modelos que podem ser usados em gavetas, estantes e nichos do seu guarda-roupa. E, ao manter a umidade entre 50% - 60%, níveis indicados pela OMS – Organização Mundial da Saúde como ideais, o desumidificador evita a perda de todos os bens dentro do seu guarda-roupa. Além disso, o equipamento ajuda a manter a qualidade do ar, já que elimina ácaros e outros microrganismos capazes de causar alergias e doenças respiratórias, como asma e rinite.

Saiba mais:

 

Veja também como o Desidrat funciona em outros ambientes da sua casa: Desumidificador para quarto, desumidificador para banheiro, desumidificador para closets e gavetas.

Surgiu alguma dúvida? Fale conosco!

Erro: Preencha os campos obrigatórios.

Erro: Preencha os campos obrigatórios.

Ao usar o formulário, você concorda com a nossa política de privacidade

© Thermomatic do Brasil | Otimização de Sites SEO - Marketing em Internet

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para guardar estatísticas de visitas e assim melhorar sua experiência de navegação, saiba mais em nossa política de privacidade.

Entendi e Fechar