O que Causa Rinite Alérgica e Como Prevenir

Como Prevenir Rinite Alérgica
Como Prevenir Rinite Alérgica

Rinite Alérgica

No Brasil, cerca de 30% dos adolescentes e 26% das crianças apresentam sintomas de rinite alérgica, de acordo com o ISAAC (The International Study of Asthma and Allergies in Childhood). O estudo ainda deixou claro que o país está entre os que têm o maior número de pessoas com rinite ou asma no mundo.Vale lembrar que a genética influencia, o filho de um casal alérgico tem 50% a 70% de chance de também sofrer com alergias. A hereditariedade é associada a fatores ambientais e resulta na manifestação da doença, que não costuma ocorrer antes dos 12 meses de vida.

Os ácaros, bactérias e fungos são alguns dos desencadeadores de crises, eles não escolhem época do ano para atormentar ou até mesmo comprometer a saúde. Por isso, é importante estar sempre alerta, principalmente se você é uma daquelas pessoas que sofrem com os efeitos da mal afamada rinite alérgica. Além disso, a rinite é uma das doenças causadas por infiltração.

É possível encontrar uma série de medicamentos de prevenção e combate aos efeitos da rinite. Em geral, eles controlam as crises, tendo em vista que o problema em si não tem cura (certificada pelo menos).

 

 

O problema é que, às vezes, as informações são tantas e tão contundentes, que fica difícil decidir por qual caminho optar para tratar as doenças respiratórias.

Assim o melhor, sempre, é buscar orientação dos médicos, otorrinolaringologistas ou alergologistas. Eles poderão dar um diagnóstico de acordo com cada caso.

 

O que é rinite alérgica?

A rinite alérgica nada mais é do que um processo de reação do nosso corpo a alguma partícula estranha que inalamos. Essas partículas são conhecidas como alérgenos e quando passam pelo nosso nariz, que funciona como um filtro, são detectadas pelo sistema imunológico que por sua vez reage numa tentativa de proteger nosso organismo. Vale lembrar que a rinite alérgica pode acontecer durante o ano todo, mas se torna mais frequente em épocas como o outono.

 

Causas da reação alérgica - Agentes

- Ácaros – dispersos geralmente com a poeira;

- Umidade excessiva;

- Pólen (das flores, atacam principalmente na primavera, mas pode ser em qualquer época do ano, basta à florada);

- Mudanças bruscas de temperatura.

 

Sintomas da rinite alérgica

Logo após o contato com os alérgenos é possível notar sintomas como:

-Congestão nasal: o muco costuma ser límpido;

-Espirros: é comum que o paciente espirre várias vezes num curto espaço de tempo;

-Coceira: o incomodo pode atingir tanto o nariz, quanto os olhos e a garganta;

Sinais como dor de cabeça, fadiga e falta de ar costumam aparecer algumas horas depois do contato, mas todos acabam por afetar tanto a disposição quanto o sono das pessoas.

 

Rinite alérgica tem cura?

Teoricamente, nenhum medicamento cura rinite alérgica. Hoje em dia, entretanto ouve-se de tudo, principalmente nas redes sociais.  Acreditar ou não é escolha de cada um. A literatura médica, porém, em sua maioria esmagadora, afirma que a rinite pode, e deve ser controlada para que o paciente tenha uma vida completamente normal.

Na prática, o ideal é que a pessoa alérgica jamais abandone o seu tratamento e seus medicamentos, indicados sempre por prescrição médica.

O elenco de remédios destinados ao controle da rinite é vasto. Muitas vezes são necessárias várias tentativas para se chegar ao medicamento ideal. 

Em alguns casos há a indicação da auto vacina. Soluções caseiras como uso de um pano úmido para limpeza, em geral, servem apenas como medidas paliativas.

 

Tratamento para Rinite Alérgica

Mas por que tratar a rinite?  Se não tratada, a rinite pode levar a outras doenças também respiratórias, como a sinusite, asma e como complemento até otite.

Nos casos específicos de rinite alérgica, o tratamento com vacina e imunoterapia 

pode ser eficaz. Para os outros tipos de rinite (não alérgicas), essas prescrições não surtem os efeitos desejados.

Diagnosticada com o quadro de rinite alérgica, a pessoa deve evitar ao máximo o contato com os agentes agressores: poeira domiciliar, poluição, fumaça (inclusive de cigarro), cheiro de produtos químicos e microrganismos (ácaros, bactérias, fungos em geral), dentre outros.

Uma recomendação simples, mas muito eficiente é não descuidar principalmente da higiene nasal. Lave sempre o nariz com solução de água e sal (soro fisiológico) e em casos excepcionais apenas com água potável, de preferência mineral.

Quem tem rinite alérgica pode optar pelo uso de produtos sem cheiro, mesmo quanto à higiene pessoal. O sabão e shampoo de glicerina são opções interessantes.

Dê preferência ao colchão de espuma, assim como travesseiros e roupas de cama antialérgicas. Afinal, após 2 anos, o peso do seu travesseiro é composto por 25% só de ácaros e esqueletos deles.

 

 

Alergias a animais de estimação

Cada vez mais os pets fazem parte da vida das pessoas. No entanto, especialistas apontam como agente desencadeador da rinite o pelo de animais, ou até mesmo a saliva. Aqui a decisão é de cada um e a recomendação é que se mantenham os pets sob os cuidados necessários de higiene e boa saúde. Não há muito como evitar o contato com o cachorrinho ou gatinho. Sobre isso, pesquisas mostram que o convívio com gatos e cães, por exemplo, é importante para pessoas, principalmente crianças.

- tem sistema imunológico mais forte;

- tem reduzido risco de sofrer infecções respiratórias e de ouvido;

- curam-se com maior facilidade e carecem de menos antibióticos.

 

Como prevenir as crises de rinite alérgica?

 

 

 

desumidificador de ar é de importância inquestionável. Ao mesmo tempo em que mantém a umidade nos níveis desejáveis, impedindo o seu excesso, livra o ambiente de microrganismos (ácaros e fungos) e torna o ar mais puro e apropriado para seres vivos (humanos e também animais).

Utilize o desumidificador sempre que a umidade exceder aos níveis desejáveis, sendo o ideal entre 50% e 60%. Os desumidificadores de ar da Linha Desidrat da Thermomatic com certeza levam a você a melhor solução, devido a sua concepção e desenvolvimento tecnológico em acordo com a sua necessidade. Não importa qual a dificuldade, quando o assunto é umidade, Desidrat é o sinônimo da solução que você procura.

 

Outras dicas também são válidas:

- manter sempre a ventilação com a renovação de ar constante. Quando isso não for possível, busque soluções como exaustão e ventilação forçada.

- evitar cortinas e carpetes e tapetes sempre que possível

- evitar o contato com odores fortes

- higiene é fundamental – mantenha ambientes limpos, livres de pó, poeira, ácaros para acabar ou diminuir o contato com o alérgeno.

 

Quer saber mais sobre os benefícios do desumidificador de ar para rinite alérgica? 

Surgiu alguma dúvida? Fale conosco!

Erro: Preencha os campos obrigatórios.

© Thermomatic do Brasil | Otimização de Sites SEO - Marketing em Internet