Bicho de Mofo: O Que é e como Eliminá-lo

Bicho de Mofo: O Que é e Como Eliminá-lo
Bicho de Mofo: O Que é e Como Eliminá-lo

Poucas coisas são mais desagradáveis do que entrar num cômodo e sentir aquele odor característico de ambiente fechado. Esse mau cheiro anuncia a presença de um inimigo silencioso, mas muito perigoso: o mofo.

Além de deixar as paredes, teto, móveis de madeira, roupas e sapatos com um aspecto feio e causar incômodos devido ao cheiro forte, o mofo no ambiente muitas vezes também pode ser acompanhado de pequenos insetos: os corrodêncios, popularmente conhecidos como bichos-de-mofo.

O que é o bicho de mofo?

Os bichos de mofo são insetos que pertencem à ordem Psocoptera, com mais de 5.500 espécies descritas. Também são chamados de piolhos-de-parede, piolhos-de-livro ou mesmo bichinhos de umidade. Alguns estudos indicam que essa ordem de insetos deu origem à ordem Phthiraptera, dos piolhos-da-cabeça.

São insetos pequenos, menores até mesmo que o tamanho de uma formiga (2 a 12 mm comprimento) e sua coloração é marrom-claro. Costumam se alimentar de materiais orgânicos, tais como grãos, cola de livros, algas, derivados de amido e claro, o mofo.

Parede mofada com bichinhos de mofo

Bicho do mofo faz mal à saúde?

Não. O bicho do mofo em si não representa riscos à saúde humana, apesar de causar um certo incômodo quando aparece nas residências, especialmente em grandes quantidades. Porém, sua presença é um alerta, já que indica a existência de mofo no local.

O mofo é resultado da ação de fungos. Na natureza, é responsável por fazer a decomposição de toda a matéria orgânica, exercendo um papel fundamental para o equilíbrio do ecossistema. Mas, dentro dos lares, pode ser altamente danoso à saúde respiratória.

Isso porque os esporos dos fungos que compõem o mofo são alérgenos e, ao serem inalados, podem desencadear crises de doenças respiratórias, tais como asma, bronquite, rinite e sinusite.

Em casa, o mofo costuma surgir nas paredes, teto, guarda-roupas, armários, gavetas, despensas, e principalmente em lugares com excesso de umidade frequente, como banheiro, cozinha e quartos.

Tem maior incidência em épocas de chuva, mas em casas localizadas em regiões mais úmidas, como litoral ou serra, o problema persiste o ano todo, tornando a tarefa de eliminar os bichinhos do mofo ainda mais difícil.

Como acabar com o bichinho de mofo na parede?

Usar inseticidas para eliminar os bichinhos de mofo é uma medida apenas paliativa, já que, após alguns dias, eles voltam a aparecer. Para acabar com os problemas de uma vez, é preciso impedir as condições de vida destes seres.

Os corrodêncios se alimentam do mofo e se reproduzem quando a umidade está em excesso. Por isso, para eliminá-los definitivamente, é preciso fazer o controle da umidade relativa do ar.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, os níveis ideais de umidade do ar estão entre 50% e 60%. Dentro destes percentuais, os fungos que dão origem ao mofo não tem como se desenvolver, inibindo a fonte de alimento destes insetos e assim, acabando com a infestação.

A maneira mais eficiente de evitar o excesso de umidade do ambiente, mantendo os níveis dentro dos padrões adequados, é através da desumidificação.

Os desumidificadores de ar Desidrat são equipamentos modernos, capazes de controlar a umidade em diversos espaços, garantindo um ar muito mais saudável e livre de microrganismos.

Surgiu alguma dúvida? Fale conosco!

Erro: Preencha os campos obrigatórios.

Erro: Preencha os campos obrigatórios.

Ao usar o formulário, você concorda com a nossa política de privacidade

Para um ar mais saudável e livre de microrganismos, Desumidificadores Desidrat:

© Thermomatic do Brasil | Otimização de Sites SEO - Marketing em Internet

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para guardar estatísticas de visitas e assim melhorar sua experiência de navegação, saiba mais em nossa política de privacidade.

Entendi e Fechar